Site Autárquico de Miranda do Corvo

Exposição "Cartunes pelo Ramal - Humor Negro"

De 28 de setembro a 27 de outubro

Inaugura no próximo dia 28 de setembro, pelas 18h00, na Biblioteca Municipal Miguel Torga a exposição "Cartunes pelo Ramal - Humor Negro".
Em 1873 foi anunciada publicamente a construção de uma estrutura ferroviária, Ramal da Lousã ou Ramal de Arganil, como também era conhecida, que viria a ser concluída e inaugurada, já no Sec. XX, em 16/12/1906. 

Um século mais tarde, em dezembro de 2009, em Serpins, com pompa e circunstancia, deu-se inicio às (des)obras, arrancando carris, travessas, pedra e toda a restante infraestrutura. Acabou assim a circulação de comboios entre esta localidade e Miranda do Corvo. A 4 de janeiro de 2010, foi a vez do troço entre Miranda do Corvo e o Alto de São João (Coimbra) ficar também sem comboios e como consequência, todo o Ramal.
Desde então muitos tem sido os que lutam pela causa dos comboios no Ramal da Lousã desejando poder dispor, novamente, de uma estrutura ferroviária que agora seja moderna, aprazível, segura, que transporte pessoas e mercadorias e que represente para a região um estimulo e um foco de dinamização do seu tecido socioeconómico.
O “Jornal Trevim” foi publicando uma série de cartunes sarcásticos, mordazes e bem-humorados dos quais, esta exposição, nos presenteia com vária dezenas, que juntam a boa disposição à informação abrindo portas ao conhecimento e à cultura da região que nos rodeia.
Da exposição constam também duas miniaturas, funcionais, de uma máquina e uma carruagem de comboios, complementa e enquadra o espirito da exposição no Ramal da Lousã, sendo que a autoria destes elementos é do saudoso lousanense professor Eugénio Amaro, gentilmente cedidos pela sua viúva, professora Alda Amaro.
A exposição estará aptente até 27 de outubro e será acompanhada de sessões de debate.

 

 

AGENDA

Multimédia